segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Brincadeira é coisa Séria

Estamos em uma época que eu adoro, o Natal. Tempo de paz, confraternização, nascimento do menino Jesus, família e de solidariedade. Mas também é tempo de presentear e para quem têm filhos pequenos ou sobrinhos, primos enfim criança em casa o primeiro pensamento e dar de presente um brinquedo. Mas surge a duvida que brinquedo dar? Vou comprar por idade ou que estimule o cognitivo, um da moda ou um artesanal? Já tive varias duvidas dessa e a coisa fica mais difícil quando é um bebê, pois geralmente tem que ser um presente legal que chame a sua atenção. Então quando Bruna nasceu procurei pesquisar em sites e blogs que falam sobre isso para atualização e encontrei muita coisa boa. Fiz um resumam para facilitar a nossa vida.

A criança é um livro em branco quando nasce que aos poucos vão absorvendo tudo que é passado por nos os pais e por todos que os rodeiam. Todo hora é hora de aprender e principalmente unir a isso o prazer de brincar. Por isso temos que levar a serio quando compramos os brinquedos .

Primeiro temos que conferir se o brinquedo tem o selo de segurança do Inmetro que certifica a boa procedência do brinquedo. No site http://www.inmetro.gov.br vc pode encontrar dicas ótimas como essa que trouxe para esse post.

Cuidados:
a) No ato da compra, exigir o selo de identificação da conformidade ou selo de certificação. Ele demonstra que o produto atente a requisitos mínimos de segurança estabelecidos em normas e regulamentos.
b) Não comprar produtos no comércio informal mas sim no comércio legalmente estabelecido. Os produtos comprados no comércio informal, geralmente mais baratos, na quase totalidade dos casos são produtos irregulares, falsificados e, apenas como exemplo, podem conter substâncias tóxicas na sua composição.
Exija sempre a nota fiscal do estabelecimento onde comprou para que haja responsabilidade social em caso de acidente ou defeito no produto.
c) Antes de entregá-los às crianças, leia atentamente as instruções de uso, que orientam quanto ao uso seguro do produto. Cuidados especiais devem ser observados na retirada das embalagens, que podem ter grampos metálicos, papéis com tintas inadequadas, etc.
d) Particularmente para brinquedos, deve ser dada atenção à faixa etária recomendada para o produto. Peças pequenas, em especial, são muito perigosas se usadas por crianças com idades inadequadas. Cabe total atenção nos lares onde existam crianças com diferentes faixas etárias.
(retirado da internet)

É bom saber que comprar o brinquedo ideal para faixa etária de idade da criança e importante para o adequado desenvolvimento motor, coordenação, imaginação e principalmente segurança dela.Afinal não vamos dar uma boneca poli para uma bebezinha que coloca tudo na boca. Então usei como fonte de pesquisa dois sites http://www.estimulando.com.bra e vila filhos que tem dicas legais de qual brinquedo dar e porque para cada faixa de idade da criança.

0 a 9 meses A criança descobre aos poucos os sons, cores, formas, exemplo: chocalhos, livrinhos de borracha, chocalho, bolinhas com texturas diferentes, brinquedos musicais.

9 aos 12 meses Nessa fase o engatinhar possibilita a criança ir buscar novidades, devemos oferecer a ela brinquedos de texturas diferentes como borracha, madeira, plástico e tecido. Exemplo: brinquedos que flutuam (patinhos de borracha), brinquedos que emitem sons, de encaixe, brinquedos que desmonta espelho, ursinho de pelúcia atóxico, bonecas de pano, mesa e cadeira da altura dos pimpolhos.

1 ano Essa fase é para estimular habilidades manuais da criança como amassar, abrir, fechar, pegar, arremessar apertar, estimulando também a coordenação motora. Exemplo: brinquedo de empurrar, álbum de fotos da família, brinquedo de montar e desmontar.

2 anos Aproveitar as habilidades já adquirida e curiosidade para brinquedos de montar e desmontar. Exemplo: blocos para empilhar, caixa para colocar os blocos dentro e sempre bons brinquedos musicais.

3 a 5 anos É a época do faz de conta e devemos estimular com livros de historia, fantoches.

5 a 6 anos Ainda estimulando o imaginário com dinheirinho de brinquedo, caixa registradora, casinha de boneca com moveis e cidadezinhas.

Acima de 6 anos A variedade é muita. Brinquedos eletrônicos, skintes, quebra cabeça, patins, bolinhas de gude, pipas e ai a lista tende a crescer.


Espero que tenha ajudado a esclarecer um pouco das duvidas na hora da compra, mais pessoalmente eu gosto de quando Bruna recebe o presente eu junto com ela abro o pacote e observo o comportamento dela.Ai vou ajudando ela a descobrir as novidades que o brinquedo traz e depois ela mesmo vai reinventando a brincadeira é muito bom.


Outra coisa que faço e rodizio de brinquedo porque criança enjoa muito rápido da brincadeira e sempre procura coisas novas. Então vou separando os brinquedos e dando por partes para sempre ela ter novidades.

E se por algum momento você perceber que seu filho brinca mais com a caixa do que com o brinquedo, brinca mais com as suas panelas ou objetos pessoais, bem vindos ao clube rsrsrs.

Bom essa semana mais importante que o presente na arvore é o sentimento de amor e confraternização que paira pelo ar. Então aos meus seguidores amigos o meu muito obrigado e um Feliz Natal!




4 comentários:

Barbara Torraga disse...

adorei as dicas...e a foto ficou linda
bjss e até mais

Futura mãmã disse...

Oi...Nao recebo actualizaçoes do seu blog =/ Nunca sei quando voce posta algo..
A menininha ta linda com papai noel.Beijo.

Ich Hausfrau disse...

Feliz ano novo para vc e sua família.
Ich, Hausfrau
www.ich-hausfrau.com.br

Claudiana (25/11/2010) disse...

Boa tarde, tudo bem?
Também faço parte do Blogueiras Unidas e entrei para conhecer seu cantinho. Gostei muito de tudo que vi. Parabéns o blog está lindo. Depois passa lá no meu cantinho também, será um prazer, ótima semana pra vc, bjs
Claudiana
http://encantosempontocruz-barbie.blogspot.com